Doces para casamento


Sejam eles apenas uma parte do brilho de um casamento bem elaborado ou a peça central de uma festa, os doces para casamento fazem a alegria de muitos convidados. Estas verdadeiras delícias açucaradas podem variar do estilo simples ao sofisticado. Ao organizar o buffet os noivos ou os organizadores da festa não podem deixar de dar uma atenção especial a esse item do evento.

Considerações iniciais

Nos últimos anos tem havido uma grande mudança nas mesas de buffet de sobremesa para casamentos. Em vez de oferecer apenas a escolha entre duas sobremesas seguidas por uma fatia de bolo de casamento, cada vez mais casais estão rompendo com a tradição, e optando por servir uma variedade de doces em suas festas de casamento.

A maioria dos casais que opta por uma mesa de buffet de sobremesas tem um bolo de casamento menor se comparado ao bolo tradicional.  A criação de uma cardápio com uma seleção de deliciosas sobremesas ao lado de um bolo de casamento menor não só complementam o bolo de casamento, mas é também a certeza de economizar dinheiro com os custos do casamento, de acordo com especialistas. E, claro, os convidados do casamento vão ficar muito felizes, se os noivos encherem de doces sua mesa de sobremesa.

O custo de um bolo de casamento tradicional é um grande gasto durante o planejamento do casamento. Entretanto, dependendo do número de pessoas que os noivos estão convidando para a festa de casamento, o custo com os doces em geral também pode ficar muito caro.

A maioria dos casais reserva uma grande quantia para o custo de um bolo de casamento tradicional, que leva grande parte do orçamento estimado para o evento. Se os noivos tiverem um orçamento apertado, então organizar uma variedade de doces deliciosos e coloridos como parte de atraentes sobremesas pode fazer a festa de casamento ficar com um baixo custo.

Não é de se admirar que as mesas de buffet de sobremesa estejam rapidamente se tornando a mais nova tendência em doces de casamento, por ser uma opção além de deliciosa muito mais barata.

Doces para casamento

Vantagens de um buffet de doces para casamento

Além de poupar em termos de finanças, a criação de uma mesa de doces para sobremesas, em uma festa de casamento vai dar aos noivos muitas vantagens, algumas são:

  • Se os noivos quiserem incentivar seus convidados do casamento a se conhecerem melhor, então a melhor maneira de vê-los interagir é convidá-los para a mesa de doces. Isso permitirá que eles conversem entre si e conheçam um ao outro, enquanto escolhem seus doces preferidos da variedade em exibição;
  • Enquanto quase todo mundo gosta de algum tipo de doce para sobremesa, há muitas pessoas que não gostam de bolo de casamento. Os noivos que servirem mais doces na festa de casamento podem ter certeza de receber comentários agradecidos daqueles que não gostam de bolo, e os convidados mais jovens também se sentirão muito felizes na festa;
  • Os noivos podem levar o tema da cor do casamento ou o estilo para os doces;
  • Os noivos podem personalizar o casamento, incorporando variedades de sobremesas que os representem ou suas tradições, de família, religião, ou do local onde vivem. Uma opção criativa seria escolher ainda sobremesas com doces que sejam representantes do destino escolhido para a lua de mel.

Que doces escolher para sobremesas?

Ao decidir sobre quais doces devem ser incluídos, os noivos devem se lembrar de que eles não têm de fazer sobremesas caras ou sofisticadas. Se o casal escolher sobremesas de seu casamento com base no tema de cor da decoração da festa, algumas das escolhas mais populares para um buffet de sobremesas podem ser: cheesecake de chocolate; tortas; Petit Gateau; Profiteroles; pudim de frutas frescas; tortas de frutas; Soufflés; bolos; fatias de amêndoa; mousse de chocolate; Cupcakes; trufas; variedade de biscoitos; frutas frescas.

Dicas importantes sobre os doces para casamento

Existem algumas dicas sobre como os noivos podem adquirir um fornecedor de doces que ofereça uma grande variedade, além de serem saborosos, dentre elas:

  • Os noivos devem verificar com os fornecedores se eles seriam capazes de fornecer uma variedade de sobremesas para o seu casamento e discutir preços com eles. Tanto o transporte quanto à criação da mesa de doces ficaria por conta do fornecedor. Sem dúvidas esta seria a opção mais fácil;
  • Os noivos podem ter um doceiro que eles conheçam perto do local onde residem. Se esse for o caso, então por que não encomendar os doces com ele? A vantagem é que se os fornecedores morarem perto dos noivos, eles poderão verificar a confecção dos doces pessoalmente.

Por Salete Dias

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Arranjos de flores artificiais para casamento

Os buquês de casamento geralmente consistem de flores naturais. Muitas noivas estão agora se afastando dessa tradição e estão optando por flores artificiais não só no buquê, mas também na decoração da cerimônia. Embora esse conceito possa parecer estranho para algumas noivas mais tradicionais, os arranjos de flores artificiais podem ser uma opção mais prática do que a outra. Neste artigo veremos algumas das vantagens em se usar flores artificiais na celebração matrimonial.

Vantagens das flores artificiais no casamento

As flores artificiais do casamento podem ser mais acessíveis

É importante notar que o custo de flores artificiais para cerimônias de casamento varia muito entre os fornecedores. Algumas lojas podem cobrar o mesmo preço nas flores artificiais que costumam cobrar para flores naturais. Em geral, no entanto, uma das vantagens principais em se comprar as flores artificiais para o casamento é que elas tendem a ser uma opção mais acessível do que flores naturais.

Uma das razões por que as flores artificiais podem ser mais acessíveis é o fato de muitas noivas poderem criar seus próprios buquês, ou fazer a decoração da festa com arranjos artificiais usando suprimentos de lojas de artesanato. Outras noivas podem também encontrar preços acessíveis de flores artificiais já confeccionadas, em sites de artesanato, por exemplo.

Algumas noivas optam por flores que são raras ou que estão fora de época. Nesse caso, os buquês de casamento com flores artificiais ou arranjos florais artificiais podem ser uma opção muito mais acessível.

Ao escolher um buquê de casamento na primavera, a noiva poderá economizar dinheiro em flores, que são sazonais no inverno, optando pelas artificiais. As noivas que são conscientes do orçamento de que dispõem devem comparar os preços de flores naturais e flores artificiais antes de tomar uma decisão final.

Arranjos de flores artificiais podem oferecer a beleza que você precisa em seu casamento

Pessoas com alergias a flores naturais

Muitas noivas gostariam de caminhar até o altar com seu buquê de flores sem ouvir os espirros e tosse ou ver os olhos com irritação de seus convidados. As flores artificiais usadas nos arranjos de casamento podem ser uma opção ideal para as noivas ou madrinhas que sofrem de alergias. As flores artificiais são a única opção realmente que não causa alergia para os buquês de casamento.

Flores artificiais podem ser reutilizadas posteriormente

Um dos principais benefícios de flores artificiais usadas no casamento é que elas podem ser guardadas para os próximos anos, e outras pessoas da família poderão também usá-las. As noivas que querem guardar seus buquês de casamento como uma lembrança e não querem gastar dinheiro com a preservação das flores naturais podem optar por buquês de flores artificiais e arranjos florais artificiais para o casamento.

Os buquês artificiais também podem ser guardados para serem usados em fotografias ou álbuns de casamento. Esta é uma das boas razões para os noivos considerarem a possibilidade de utilizar arranjos florais na celebração do matrimônio.

Existem muitas vantagens de buquês e arranjos florais artificiais de casamento. Se os noivos quiserem economizar dinheiro, sofrem de alergias, ou gostariam de guardar suas flores para os próximos anos, não têm motivo para não escolherem as flores artificiais.

Infelizmente, os arranjos florais artificiais do casamento ainda são muitas vezes mal vista, porque elas não flores reais. A boa notícia é que a maioria das pessoas, às vezes não pode perceber a diferença entre flores artificiais e flores naturais.

Dicas para os noivos que desejam confeccionar seus próprios arranjos florais

Fitas florais, alicates, colas e espumas secas são necessárias para fazer as flores artificiais. Os alicates são utilizados para definir o tamanho das flores e seus caules. Esse é o momento certo para usar o alicate, pois ele ajuda a configurar o tamanho das hastes das flores artificiais.

A pessoa pode ajustar e fazer caules pequenos e grandes com a ajuda da fita floral. Por isso, a fita floral e alicate são importantes na hora de fazer flores artificiais. A fita floral é utilizada para aumentar ou diminuir o tamanho das hastes das flores.

A cola e a espuma seca também são importantes na confecção das flores, pois um mínimo de espuma seca deve ser usado em todos os tipos de flores artificiais, pois elas aumentam o poder de cola.

Antes de usar a cola, a pessoa deve ter certeza que todas as coisas estão ajustadas de acordo com o processo e verificar se não há problemas de ajuste das hastes. A cola é usada estritamente nas diferentes hastes das flores artificiais.  O uso da cola é a parte na qual a pessoa deve ter mais cuidado, se certificando de que todas as hastes de flores artificiais estão ajustadas.

Dica: a pessoa só deve tentar fazer os arranjos florais em casa se souber realmente como fazê-los, pois se assim não for, elas correm o risco de realizar um trabalho mal executado, e comprometer a beleza e praticidade desses arranjos.

Por Salete Dias

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Roupa certa para casamento

Casamento é realmente um momento especial, é a hora em que duas pessoas se unem. Esse é, sem dúvida alguma, um dia para ser lembrado para sempre. Entretanto, não importa se você é um dos noivos, padrinhos ou somente um dos convidados: você precisa ter a roupa certa para o casamento a fim de realmente combinar com esse “dia dos sonhos” que duas pessoas estão vivenciando.

Assim, selecionamos algumas dicas para que você possa escolher a roupa certa para essa ocasião. E, claro, não se esqueça de divertir-se no casamento, afinal de contas, é uma festa e, como tal, deve ser um momento agradável e feliz para todos!

Se você é a noiva, antes de ir às compras procurar um vestido de noiva, você precisa ter em mente que tipo de vestido você procura. Encontrar o vestido perfeito para você pode ser uma tarefa bastante difícil e se você sair de casa sem ideia alguma do que deseja, ela se tornará ainda mais difícil. Uma boa ideia é olhar na Internet ou em revistas especializadas em casamentos para ter uma boa ideia de qual tipo de vestido você deveria usar.

E ao comprar ou alugar seu vestido de casamento em uma loja, tome o cuidado de tomar nota sobre todos os detalhes de sua compra por escrito. Você precisa evitar ao máximo a possibilidade de pedir um vestido e acabar por receber outro ou o mesmo em condições ruins (o que pode acontecer no caso de vestidos alugados, que são usados em vários casamentos). Sendo assim, preste bastante atenção às condições do vestido e quando poderá ir buscá-lo.

E aqui vai uma dica para você, noiva: se ainda não escolheu ou fez o seu buquê, é interessante utilizar flores que de alguma forma combinem com o seu vestido. Isso trará um ar ainda maior de elegância ao seu “look” quando entrar no salão da cerimônia.

Agora, um recado para o noivo: não é somente a noiva que precisa estar bela no dia do casamento, também a sua roupa deve estar bem certa para a ocasião. Escolha um terno realmente bonito e que apresente algum detalhe que combine com detalhes da roupa da noiva, se possível, e todos perceberão o cuidado que ambos tiveram em definir o que deveriam trajar no dia da festa. Homens muitas vezes assumem que todos prestarão atenção somente na noiva, mas se enganam, uma vez que é o casal e não somente a noiva o verdadeiro centro das atenções.

Os convidados também precisam estarem atentos para usarem a roupa certa no dia do casamento. Geralmente mulheres usam vestidos longos, principalmente quando a cerimônia e festa são realizadas à noite. Caso o casamento ocorra pelo dia, modelos mais curtos podem ser usados, desde que não sejam curtos demais ou com decotes exagerados. No caso dos homens, um terno sempre cai bem, mas não é obrigatório. Basta ir vestido bem (no caso, camisa social de manga comprida e calça social) e estará de acordo com o que a situação pede.

Esperamos que essas dicas ajudem quem estiver em dúvida quanto à melhor roupa para ser usada em uma festa de casamento. Vale lembrar, claro, que o casamento deve ser um momento de muita alegria a todos os participantes, então a escolha da roupa não deveria gerar-lhe transtornos capazes de tirar o brilho do seu sorriso (principalmente se você for a noiva!).

Roupa certa para o casamento

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Decoração de festa de casamento

Apesar do mais importante em um casamento ser realmente a cerimônia, para muitos dos convidados, a decoração da festa é algo que deve ser memorável para marcar aquele dia tão importante na vida dos noivos.

Felizmente, existem muitas maneiras de poupar dinheiro na decoração e ela ficar bem elegante. Neste artigo os leitores irão conhecer algumas opções práticas, e não muito caras de decoração de festa de casamento.

1. Use luzes brancas para decorar a festa

Muitas pessoas usam luzes brancas somente no Natal, mas a decoração de festas de casamento com elas fica simples e elegante. Elas podem ser penduradas no teto, em torno das mesas, ou em volta do bolo, ou ainda em vasos de plantas ornamentais. Não há nada mais romântico do que um lugar iluminado apenas pelo brilho de centenas de velas. E, felizmente, as velas são baratas.

2. Laços de fitas

As capas de assento podem ser caras para alugar, e dão muito trabalho aos noivos ou aos organizadores da festa para colocar todas elas nas cadeiras. Uma boa opção pode ser usar laços de fitas. Em vez de usar as capas, obtenha alguma fita bonita para amarrar nas costas das cadeiras. Isso dará alguma elegância e enfeitará as cadeiras de maneira mais simples e econômica. Esta fita é uma alternativa barata em comparação com as capas tradicionais usadas nas cadeiras.

3. Coloque uma fonte de água

Uma boa opção para a entrada da recepção do casamento seria colocar logo na entrada uma fonte de água. Pode até ser uma pequena que os noivos já tenham em suas casas. O som de uma fonte de água é muito relaxante, e seria bom para os convidados do casamento ouvirem e conseguirem relaxar na festa.

Decoração de festa de casamento

4. Decore a festa de casamento com alimentos

Para aqueles que gostam de uma ideia original e criativa, decorar a festa de casamento com alimentos e a carta de bebidas que os noivos escolherem pode ser uma excelente opção. O jeito como o buffet for organizado nas bandejas pode dar um toque especial ao grande dia para os noivos. Enormes e variados recipientes de doces e sobremesas podem criar um clima festivo, enquanto as bandejas decoradas com queijos frescos e pães podem fazer com que a festa tenha uma temática mais simples ou natural.

5. Use tecidos

Os noivos ou os organizadores da festa podem obter metros de vários tipos de tecidos em uma loja de artesanato e usá-los para todo tipo de decoração, desde cobrir mesas até fazer enfeites que caem do teto, os tecidos finos funcionam muito bem para isso, além de criar uma atmosfera romântica. Se a pessoa for criativa poderá utilizar o tecido como um material para criar uma atmosfera suave e mais íntima, por exemplo.

6. Festa de casamento decorada com fotos dos noivos

Se os noivos acreditam que seus convidados irão adorar ver as fotografias de noivado deles, então a festa de casamento é o lugar perfeito para exibi-las. Na verdade, a recepção pode ser o único lugar em que alguns dos convidados terão a oportunidade de verem as fotos de noivado do casal.

Os noivos poderão colocar as fotos em quadros ou em uma colagem, e ainda considerar a possibilidade da criação de uma sequência de fotos para divertir seus convidados durante a festa.

7. Decoração de festa de casamento com flores

Os noivos ou os organizadores do evento podem optar pela ideia de criar guirlandas grandes de flores para decorar sua festa. Expor guirlandas de flores grandes irá tornar a decoração do casamento, além de elegante, atraente e memorável.

Esse tipo de guirlanda pode ser feita com grandes isopores (que é um material que se encontra em qualquer loja de artesanato), inserindo as hastes das flores neles. Essa opção seria mais econômica para fazer se os noivos utilizarem flores de seda ou as encomendarem a partir de um atacadista. Isso fará com que o casal economize dinheiro em arranjos de flores do casamento, podendo gastar em outros itens do evento.

Considerações finais

Um casamento com decoração temática pode não ser a melhor opção para todos, mas vai permitir que os noivos tenham uma abordagem mais focada para o planejamento de suas decorações de festa.  Ao colocar todos os elementos que ornamentam um casamento, tais como tecidos, flores, velas, os noivos vão simplificar o processo de planejar a decoração, tomando decisões mais fáceis, e impressionar os seus convidados, além de economizar dinheiro.

Por Salete Dias

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Arranjos de flores naturais

Escolher os arranjos de flores naturais para o casamento é muitas vezes uma tarefa difícil para os noivos. Neste artigo veremos algumas dicas, inspiração e ideias para planejar a decoração das flores para o grande dia do casal.

Tipos de flores do casamento

Há muitas coisas para os noivos decidirem quando o assunto é escolher arranjos florais para decoração de casamento. Uma das coisas a decidir é quanto ao tipo de flores. De acordo com floristas especializados em celebração matrimonial, as gramíneas podem ser usadas em buquês ou arranjos florais para casamentos e ficam muito bonitas.

Os noivos podem se inspirar e colocar os arranjos de gramíneas junto com as flores do casamento. Além disso, as gramíneas são fáceis de cultivar e, portanto, acessíveis a todos.

Ideias de arranjos florais para a cerimônia de casamento

É normal os noivos quererem personalizar um templo religioso ou sala de cerimônia civil com arranjos florais que reflitam seu gosto e estilo.

Templos religiosos

Arranjos de flores naturais do casamento no templo religioso podem ficar no altar da capela. Se a igreja for grande, os noivos podem querer fazer uma decoração maior e mais ousada com um ou mais arranjos florais grandes colocados em um pedestal. Eles devem ser colocados onde eles possam ser notados pelos convidados, como a entrada da igreja, ou na frente, perto do altar.

Os arranjos florais da cerimônia de casamento também podem ficar nas bordas das janelas, e outros lugares naturais onde se possam colocar arranjos de flores. Um arranjo floral para a celebração religiosa do casamento pode ser feito com rosas, gérberas ou lírios, por exemplo.

Dicas importantes

  • Antes de planejar sua decoração com flores no altar os noivos devem verificar com o padre ou celebrante religioso se é possível fazer isso;
  • Se o orçamento dos noivos estiver apertado, eles tiverem que economizar então é melhor colocar os arranjos florais somente nas extremidades, ou apenas nos dois bancos principais mais próximos do altar;
  • As guirlandas sobre a porta da igreja pode proporcionar um toque decorativo agradável que todos os convidados irão notar quando chegarem;
  • Faça a guirlanda com tempo disponível para evitar contratempos ou importunar os religiosos que celebrarão o casamento, pois fazer barulho ou bagunça no momento de colocar a guirlanda na porta de entrada poderá gerar inconvenientes;
  • Uma alternativa para uma guirlanda sobre a entrada é colocar decorações imitando árvores de ambos os lados da entrada da igreja. Esse tipo de decoração também faz um grande sucesso;
  • Os noivos devem usar árvores ornamentais, coordenando seus arranjos florais com as outras modalidades de decoração em seu casamento;
  • Uma das vantagens da utilização de árvores para decoração durante uma celebração religiosa de casamento é que após a cerimônia os noivos podem removê-las para decorar a recepção.

Arranjos de flores naturais para o seu grande dia

Arranjos de flores naturais para uma cerimônia civil de casamento

Atualmente muitas pessoas estão fazendo suas cerimônias civis de casamento em estabelecimentos, como hotéis ou salões de festas. Esses locais muitas vezes podem ser um tanto inexpressivos e por isso, a cerimônia de casamento decorada com arranjos florais pode fazer uma grande diferença e dar ao lugar um sentimento de celebração.

As cerimônias de casamento decoradas com arranjos florais em um pedestal são particularmente adequadas para causar um impacto e adicionar cor ao evento.

Colocar um de cada lado da mesa de cerimônia ou no final do salão é uma boa opção para utilizar os arranjos florais.

Os noivos podem também colocar um pedestal perto da porta da entrada onde ocorrerá a cerimônia, pois desse modo o arranjo será uma das primeiras coisas que os convidados irão ver logo na entrada.

Outra opção é colocar um arranjo menor na cerimônia ou mesa do juiz para adicionar mais cor à decoração. Ele poderia ser um arranjo semelhante ao altar com flores acima, ou um arranjo vertical mais tradicional.

Na cerimônia civil de casamento os arranjos florais naturais podem ser reutilizados como arranjo de mesa na recepção oferecida aos convidados.

Quando os noivos estiverem planejando a cerimônia de casamento, devem lembrar-se de combinar os arranjos de flores naturais escolhidos para a decoração com a cor e o tema selecionados para o casamento. Será necessário também combinar com o buquê da noiva e as flores de recepção, criando um efeito elegante e discreto no ambiente.

Arranjos florais naturais para buquê

Há uma enorme variedade de arranjos de flores naturais para os buquês das noivas, dentre eles:

Buquê de tulipas brancas

Forma tradicional, dando uma aparência simples e elegante, com arranjos de flores como rosas, tulipas, entre outros.

Buquê em forma de cascata

Forma de lágrima tradicional, que consiste em um ramalhete com um “rastro” de flores e folhagens. Adequado para usar com uma grande variedade de flores.

Buquê Bainha

Buquê longo e fino que é projetado para ficar ao longo do braço da noiva. Este é o mais adequado para flores longas como os lírios.

Por Salete Dias

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Porta-guardanapo para casamento

Quando as pessoas que pretendem se unir estão correndo com os preparativos para o casamento, logo se lembram de alguns detalhes que podem fazer toda a diferença, principalmente na decoração das mesas, como o porta guardanapo. Neste artigo veremos algumas sugestões sobre como fazer este objeto.

Porta guardanapo de casamento usado para decoração

O porta guardanapo pode ser moderno ou temático, feito de tecido especial ou um bonito papel decorativo. O porta guardanapo também serve como decoração para a mesa de casamento, tornando-se um objeto importante em uma recepção desse tipo de evento.

Os noivos modernos estão agora procurando ideias originais para decoração de casamento. Sendo assim, o porta guardanapo personalizado está se tornando cada vez mais popular, especialmente porque o custo em confeccioná-lo é bastante acessível para a grande maioria.

No porta guardanapo para casamento a pessoa também pode adicionar um toque especial, como por exemplo, colocar as iniciais do noivo impressas sobre as da noiva. O porta guardanapo que é feito sob encomenda para o casamento costuma vir em todos os tipos de cores, tamanhos, variedade de estilos de fontes e letras. A escolha é quase infinita.

Em relação a ideias para decoração de mesas no casamento, o porta guardanapo é uma ótima maneira de decorar qualquer mesa de casamento, bastando para isso a pessoa usar sua criatividade. Por exemplo, o porta guardanapo pode ser confeccionado também, com um tecido de organza decorativo ou uma fita de cetim amarrada ao redor do guardanapo, ou ainda colocando uma flor em cima para dar um toque especial.

Há muitas maneiras de um porta guardanapo decorar com exclusividade uma festa de casamento.

Se a pessoa estiver com um orçamento apertado e procurando maneiras de economizar com os custos do casamento, ela pode ser capaz de obter um porta guardanapo mais barato em vários sites da internet.

Porta guardanapo para casamento

Como fazer porta guardanapos de casamento sem costura

A própria pessoa pode fazer seu porta guardanapo de casamento sem haver necessidade de fazer algum tipo de costura. Tudo o que ela irá precisar são alguns rolos de papelão de papel toalha ou papel higiênico, tecido nas cores do casamento, tesoura e uma pistola de cola, além, de alguns guardanapos de pano.

Passo-a-passo

Primeiro Passo: a pessoa deve cortar os rolos de papelão na proporção de 3/4.

Segundo passo: em seguida, deve cortar o pano em comprimentos e larguras que sejam capazes de cobrir os papelões.

Terceiro Passo: Nesta etapa, a pessoa deve enrolar o pano em torno dos pedaços de papelão, um pouco de cada vez, colando o pano nas “rodas de papelão” que a pessoa irá fazer.

Quarto Passo: a pessoa deve neste momento fazer a colagem, e se certificar de que ela está bem feita.

Quinto Passo: Na sequência, deve colar as rodas, deixando-as secar um pouco depois de cada vez que uma parte do pano for colada na roda que irá segurar os guardanapos. E pronto! Um porta guardanapo prático e fácil de fazer estará pronto.

Como fazer porta guardanapo barato

Para a confecção deste porta guardanapo serão usados alguns materiais muito baratos e prontamente disponíveis, e qualquer pessoa poderá fazê-lo:

Objetos necessários à confecção do porta guardanapo:

  • Guardanapos;
  • Tesoura;
  • Lápis para marcação;
  • Cortador;
  • Fita dupla face;
  • Fita de cetim larga;
  • Fitas combinando com as cores da decoração do casamento;
  • Enfeite para a decoração;
  • Tubo de papelão (como de toalha de papel usado na cozinha).

Passos para confeccionar o porta guardanapo:

1. A pessoa deve medir o tubo de papelão usando uma régua e marcá-lo em vários pontos com um lápis. 3 a 4 cm é uma boa medida para um porta guardanapo, mas fica realmente à preferência dos noivos.

2. Na sequência, uma régua deve ser usada para ligar os pontos, traçando-se uma linha reta através deles e, lentamente, cortar o tubo seguindo a linha marcada com uma faca.

3. Depois a fita de cetim deve ser cortada da largura para o comprimento cobrindo todo o tubo de papelão.

4. O tubo externo deve ser forrado com fita dupla face. Também o interior do tubo deve ser forrado, mas a pessoa deve se certificar de só colocar a fita dupla face na parte onde será coberto pela fita.

5. A fita deve ser colocada sobre uma superfície plana, e depois a fita dupla face deve ser envolvida no tubo externo. Na sequência o tubo na fita deve ser colocado, rodando-o suavemente sobre a fita.

6. Usando os dedos, a pessoa deve dobrar suavemente as fitas para o interior do tubo.

Dica: as fitas de cetim são muito delicadas, por isso nunca devem ser puxadas para o lado.

Por Salete Dias

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Preparativos para casamento

Quando as pessoas ouvem falar sobre preparativos para casamento, logo elas imaginam que vão ler algo sobre como decorar o salão de festas, onde comprar o vestido de noiva, ou que providências os noivos devem tomar para tornar a celebração matrimonial inesquecível. No entanto, neste artigo a proposta é diferente: o leitor terá contato com os aspectos emocionais que envolvem a decisão de viver junto com outra pessoa, como ocorre no casamento.

Preparação para o casamento

Quando os noivos se preparam para celebrar o casamento, eles terão que descobrir e aprender como lidar com os possíveis problemas entre eles que podem surgir com a convivência diária. Portanto, a primeira tarefa é ver se os dois conseguem perceber e por em prática a difícil arte de viver junto com outra pessoa, às vezes com ideias e comportamentos bem diferentes.

Estágios do casamento

De acordo com pesquisadores, a maioria dos casamentos passa por pelo menos três fases gerais de desenvolvimento: (1) o amor romântico, (2) desilusão e distração, e (3) a dissolução, ou o ajuste com resignação ou contentamento. Na primeira fase do casamento, conforme os estudiosos, os casais tendem a ser tão ligados à paixão e atração física que questões como sacrifício, egoísmo, as expectativas e as crises não são confrontadas nem por um nem por outro.

Quando a lua de mel começa a se desgastar, então essas questões começam a influenciar e afetar o relacionamento. No segundo estágio, os problemas da vida diária muitas vezes exigem sacrifícios a serem feitos. As decepções e distrações podem levar a um menor tempo que o casal passa junto, redução na vida sexual e falta de diálogo.

Quando um casal chega ao final desta fase, muitas vezes se sente decepcionado e insatisfeito. É então que os dois mudam para a terceira fase com pelo menos três opções disponíveis: (1) Eles podem dissolver o relacionamento conjugal, (2) Eles podem tentar se ajustar, mas terão a consciência de que o casamento não vai melhorar, (3) Eles podem trabalhar no relacionamento com contentamento e satisfação como ferramentas adquiridas, resolvendo suas principais questões, e conseguindo aumentar o amor e companheirismo entre eles.

Uma das coisas mais difíceis para os homens e as mulheres de uma maneira geral entenderem é que à medida que o relacionamento se desenvolve e avança por estas fases, o amor intenso e apaixonado tende a diminuir, sendo substituído pelo sentimento de amor e companheirismo.

O ponto é que muitos casamentos poderiam ser melhor ajustados se o casal se comprometesse a reconhecer que o casamento precisa de ajuda, tomar consciência dos pontos fortes e fracos do relacionamento, compreender os comportamentos que influenciam no ajuste marital, se comprometendo a fazer um planejamento para melhorar a relação entre os dois.

Preparativos para casamento não precisam ser assustadores

Traços individuais e do casal que podem afetar o casamento

Algumas características individuais podem influenciar a satisfação ou a insatisfação com o casamento. Elas incluem a personalidade de uma pessoa, suas atitudes, habilidades ou dificuldades em lidar com o estresse, problemas do dia a dia e as relações interpessoais.

Também pode ser revelado que um dos parceiros apresenta uma impulsividade excessiva sinalizada, por exemplo, pelos gastos excessivos, comportamentos obsessivos compulsivos, sentimento de raiva e hostilidade, depressão e irritabilidade crônica. Esses são alguns dos traços individuais que são os grandes responsáveis pelo fracasso da satisfação conjugal.

Por outro lado, comportamentos como a extroversão, sociabilidade, flexibilidade, boa autoestima, compromisso e respeito pelo outro e capacidade de amar são apontados como os principais traços que um indivíduo pode apresentar na conquista da satisfação no casamento.

Alguns traços que o casal apresenta podem influenciar a satisfação ou insatisfação no casamento. Esses traços incluem a boa comunicação entre eles e as habilidades encontradas para resolução de conflitos, união, intimidade, o afeto, as relações sexuais e de coesão, além da capacidade de compartilhar, o consenso ou grau de concordância entre o casal.

Atitudes que podem levar a uma maior satisfação conjugal

Segundo especialistas, a principal atitude que pode levar um casal a ter sucesso em seu relacionamento matrimonial é a mudança do próprio comportamento, que inclui três tipos de alteração:

  • A pessoa deve exercitar a paciência com as falhas do seu parceiro e seus hábitos irritantes;
  • A pessoa deve ter a consciência de que ele ou ela tem de mudar, em prol da felicidade de ambos;
  • A pessoa deve assumir a responsabilidade de mudar a si mesma para conseguir melhorar o seu relacionamento.

O foco de mudança deve ser sempre o próprio indivíduo e não o seu parceiro(a). Percebendo que há boa vontade e amor, o outro cônjuge pode manifestar o desejo de mudar também. Quando a pessoa age de maneira amorosa, indulgente e benevolente, seu cônjuge tende a retribuir do mesmo modo.

Por Salete Dias

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Blogs de casamento

As pessoas que estão pensando em se casar sempre consultam blogs de casamento, pois acreditam que poderão encontrar muitos artigos interessantes. Mas o que será que fazem destes blogs um recurso cada vez mais procurado por noivos e noivas de todo o país? É o que veremos neste artigo.

Que assuntos um blog de casamento costuma abordar?

Uma das melhores maneiras de aprender vários assuntos relevantes sobre o casamento é acessar os blogs que várias pessoas, chamadas popularmente de blogueiros, e conhecer as últimas novidades sobre decoração, buffet, música, entre outras coisas.

O ideal é o leitor interessado neste assunto consultar vários blogs de casamento, pois a grande maioria oferece uma grande variedade de assuntos relacionados ao tema.

Nos blogs de casamento, os noivos podem se inspirar em diversas ideias criativas e às vezes, pode até lucrar com determinados itens, pois muitos desses blogs oferecem aos interessados um excelente serviço de indicação de fornecedores mais baratos, e como e onde encontrar essas pessoas.

Blogs sobre casamento para quem pretende se casar são um serviço muito útil, pois reduzem o tempo, às vezes muito curto, daqueles que pretendem se casar e têm de resolver várias questões. Veremos agora quais assuntos principais alguns blogs abordam para facilitar e muito a vida dessas pessoas.

Blogs de casamento

Blogs que compartilham ideias pessoais

Existem blogs de casamento que estão voltados para as pessoas que desejam compartilhar os seus sucessos pessoais, bem como a dificuldade que encontraram para encontrar um ou outro item de casamento. Em geral são pessoas que já se casaram e desejam compartilhar suas principais experiências com os outros que irão se casar.

Esse tipo de blog é muito útil para quem já tem uma boa ideia do que pretende gastar ou comprar, e está querendo apenas saber informações mais gerais, sobre algum fornecedor que cobre mais barato por algum tipo de serviço, por exemplo.

Esses blogueiros acreditam que compartilhar histórias pessoais, com moderação, pode ajudar seus leitores a evitarem situações desagradáveis que eles porventura tiveram que passar. Muitas pessoas desejam conhecer o fornecedor de serviços para casamentos por trás do negócio, e somente com uma experiência real, vivida por outra pessoa é que elas terão um parâmetro de comparação mais fidedigno.

Os noivos que acessam esses blogs verão que uma história pessoal, ou um conselho de outras pessoas, será bastante útil no momento em que eles estiverem passando pela mesma situação.

Blogs que ajudam a planejar o casamento

Existem blogs que são especializados em auxiliar os noivos a fazerem o planejamento de seu casamento. Alguns blogs desse tipo chegam a agrupar por itens quais os principais temas que constituem um bom planejamento para aqueles que pretendem se casar.

Esse tipo de blog é muito útil para a pessoa que acabou de ficar noiva e ainda tem muito tempo pela frente. Em geral, os blogueiros são especialistas em determinadas áreas e oferecem aos leitores um tipo de consultoria virtual. Esses blogs são ferramentas muito poderosas para a realização de um casamento. Os noivos que procuram esse tipo de blog podem ter certeza que terão acesso a todo o tipo de informação pertinente ao tema sobre como planejar um casamento.

Blogs especializados em um tema sobre casamento

Existem blogs que são especializados em determinados assuntos relacionados a um tema sobre casamento, como por exemplo, onde contratar o melhor DJ ou a melhor banda, onde comprar o melhor ou mais bonito bolo, onde encontrar a melhor decoração, dentre outros.

Alguns blogueiros vão mais além e indicam também onde e como comprar o melhor vestido de noiva, o terno do noivo, ou os locais nos quais essas roupas podem ser alugadas. Esses blogs são importantes pela diversidade de informações que fornecem aos seus leitores, diferente de outros blogs que fazem apenas uma única abordagem de um determinado assunto.

Blogs com ideias originais de casamento

Nesses tipos de blogs, o leitor pode obter várias sugestões sobre ideias originais para planejar seu casamento. Normalmente, essas ideias giram em torno do tipo de festa que os noivos irão dar ou da cerimônia que pretendem realizar. Esses sites são muito úteis para aqueles noivos que desejam inovar em seus casamentos, fugindo do planejamento tradicional.

Considerações finais

Para os noivos que pretendem obter algum tipo de informação relevante sobre como planejar um casamento, os blogs são um recurso de extrema utilidade, pois os blogueiros dão as mais variadas ideias e fazem uma lista de um grande número de fornecedores para que os noivos tenham a liberdade de escolher o que mais lhes agrada.

Por Salete Dias

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Casamentos em chácaras são uma boa ideia?

Sim, se você souber organizar tudo muito bem! Um casamento em chácara pode propiciar aos noivos e convidados a oportunidade de desfrutar da proximidade com a natureza, tornando esse momento ainda mais especial e único, algo que provavelmente você não obterá realizando o casamento em um salão de festas, por mais belo e elegante que ele seja.

Algumas chácaras, visando atender a esse público, já oferecem um espaço aberto adaptado para a realização das cerimônias. Assim, o casamento pode ser realizado em meio à vegetação local, dando um toque ainda mais belo para a recepção do casamento.

Uma ideia sendo bastante adotada em casamentos em chácaras, por exemplo, é a mesa comunitária, isto é, uma grande mesa utilizada para reunir noivos, padrinhos e amigos mais próximos. Tal conceito criar um ambiente mais aconchegante, onde as boas conversas podem ser aproveitadas ao máximo. E quanto à decoração, depende somente do gosto dos noivos, mas podem aproveitar que se trata de uma chácara e optar por algo mais rústico.

Uma outra ideia bem legal é decorar o ambiente aberto com velas e buquês suspensos, utilizando-se das próprias árvores como suportes! Pode-se aproveitar das árvores também para, utilizando-se de tecidos delicados, “fechar” algumas áreas e empregar uma decoração diferenciada, onde casais poderão tirar fotografias.

E se você não pode alugar uma chácara planejada para festas e outros eventos, você pode buscar dentre seus amigos e familiares alguém que possua uma fazenda, sítio ou outro tipo de propriedade que possa servir! A depender do número de convidados, até mesmo um grande jardim pode ser empregado. Assim, você pode eliminar certos custos na realização de seu casamento, sem perder o contato com a natureza.

Enfim, vale a criatividade e bom uso da natureza ao seu redor para criar ambientes diferentes e românticos, muito propícios para a ocasião do casamento.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Lembrancinhas de casamento

Quando ouvimos falar em casamento, logo pensamos nas lembrancinhas que iremos ganhar se formos convidados para o enlace matrimonial. Mas será que todos sabem a origem das lembrancinhas de casamento? Talvez a história seja mais bem interessante que a própria lembrancinha.

Como surgiu o costume de dar lembrancinhas em casamentos

O costume de dar lembrancinhas para os convidados em um casamento remonta a velha Europa Medieval, onde um bombom de amêndoas decorado com açúcar ou outro doce foi dado em agradecimento à presença do convidado e para dar sorte no casamento.

As lembrancinhas de casamento são sempre entendidas como uma parte necessária de uma recepção de casamento. Estes pequenos presentes têm uma história que remonta pelo menos quatro séculos, para a nobreza da Europa e os presentes caros feitos de açúcar e doces que eram distribuídos no final das celebrações de casamento como um sinal de agradecimento e para mostrar sua riqueza e nobreza.

A Europa e as primeiras lembrancinhas de casamento

Embora a origem precisa das lembrancinhas de casamento permaneça desconhecida até os dias atuais, os primeiros registros dos presentes, em vários países europeus datam do século XVI ao XVIII, ou seja, do final da Idade Média ao início da Idade Moderna. Durante este tempo, ele se tornou tradicional para a nobreza que dava presentes de açúcar e confeitos açucarados não só em casamentos, mas em todas as comemorações festivas e recepções.

O açúcar na época era muito caro, de modo que os presentes eram uma marca da riqueza e prestígio do doador. Os cubos de açúcar e doces eram geralmente apresentados em uma espécie de “bomboniere”, uma pequena caixa de cristal precioso, com pedras preciosas, ou de porcelana.

Conforme o preço do açúcar tornou-se mais acessível, a tradição se espalhou para outras classes sociais e começou a incluir outras lembrancinhas: pequenas caixas de amêndoas e outros frutos secos, biscoitos e frutas.

Lembrancinhas de casamento são sempre uma boa forma de retribuir a atenção dos convidados

Lembrancinhas de casamento nas classes sociais mais baixas

Nas classes mais baixas, esses presentes eram dados no início da cerimônia de casamento para os convidados poderem apreciá-los durante a celebração do matrimônio.

A lembrancinha eventualmente se tornou também tradicional para apresentar aos seus clientes um doce de amêndoas de açúcar revestido, conhecido como confete. Este termo foi mais tarde substituído por amêndoas de Jordão, cinco-doce ou simplesmente amêndoas, para simbolizar os dons de fertilidade, longevidade, saúde, riqueza e felicidade que os convidados desejavam sobre a noiva e o noivo em sua nova vida de casados.  Na Jordânia as amêndoas simbolizavam tanto os amargos quanto os doces aspectos da vida de casado.

Por que dar lembrancinhas de casamento?

As lembrancinhas de casamento são um modo da noiva e do noivo agradecerem aos seus convidados por compartilhar o seu dia tão especial dando pequenos presentes a eles, mas isso não é a história toda.

Nas tradições mais antigas, a noiva e o noivo eram vistos como pessoas que deveriam ter muita sorte. Por volta do século XVIII, quando as lembrancinhas do casamento já tinham alcançado as classes sociais médias e baixas, as lembrancinhas foram dadas como um modo da noiva e do noivo espalharem a sua sorte e as bênçãos de seu casamento para cada um de seus convidados.

O novo casal, muitas vezes, distribuía as lembrancinhas de casamento com suas próprias mãos para cada pessoa que tivesse ido à celebração do casamento como uma forma de compartilhar a bênção do seu amor.

Modernas lembrancinhas de casamento

Embora muitos casamentos ainda apresentassem lembrancinhas como amêndoas, balas, doces, bombonieres, bijuterias e caixas, a maioria dos casais prefere dar lembrancinhas aos seus convidados que sejam mais práticas.

Há uma demanda crescente de lembrancinhas que sejam úteis para os convidados que irão mantê-las, e que vão também lembrá-los do dia do casamento de amigos ou familiares. No entanto, as mais antigas tradições de nozes açucaradas e confeitos permanecem ainda vivas e populares para este dia.

Exemplos de lembrancinhas modernas

Copos de vinho podem ser usados como lembrancinhas, além de enfeitarem a festa de casamento. Eles podem ter uma foto dos noivos como lembrança e também servirão para que o convidado beba seu vinho favorito. O vidro do copo (a pessoa deve escolher taças bem largas) também pode ser usado para armazenar doces, ou até mesmo uma vela para iluminar, e tornar o ambiente mais agradável.

Porta-retratos personalizados

Para espalhar os bons desejos e captar as emoções do dia os noivos podem colocar uma foto deles em um porta-retratos de vidro perolizado clássico.

Sinos como lembrancinhas

Os sinos tocam alegremente no dia do casamento, quando um simples beijo no altar muda a vida do casal para sempre. Por isso, a pessoa pode dar a seus convidados o prazer de reviver esse momento repetidas vezes dando pequenos sinos prateados como lembranças a seus convidados. Normalmente, esses pequenos sinos vêm com um cartão que pode ser escrito pelos noivos.

Dica: Se você pretende se casar procure dar aos seus convidados sempre lembrancinhas originais e práticas, que eles possam utilizá-las também em seu dia a dia.

Por Salete Dias

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS